quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Herzog e De Meuron em São Paulo III

Estava previsto para final de março. Foi apresentado no fim de julho. To fazendo o post só agora!
Aqui o resultado do estudo preliminar da sede para a São Paulo Companhia de Dança, pelo escritório Herzog & De Meuron.
O projeto superou minhas espectativas. Coerente, boa relação com o entorno e planos desencontrados que dinamizam a construção.
Da revista Projeto: O conceito intrínseco ao projeto de Herzog & De Meuron foi mesclar e combinar o máximo de atividades possível, transpondo para o edifício a dinâmica da metrópole paulistana.
O conjunto possui quatro pavimentos (e altura média de 23 metros), dos quais não se consegue fazer uma leitura externa linear nem definir uma hierarquia entre as fachadas.
Uma abordagem possível é a de uma praça suspensa, composta por um jogo de lâminas entrelaçadas nos dois sentidos, que se integra às áreas verdes que a dupla propõe para o entorno.
Ótimo. Minhas críticas surtiram o efeito desejado! (é brincadeira, ok?)
Mas... Ainda acho esse orçamento um absurdo!
.

2 comentários:

deforma disse...

Embora seja um bom projecto,faltou ousadia na minha opinião.

Guilherme Moraes disse...

finalmente alguma coisa de fundamento destes dois, é o primeiro projeto que gosto deles...interessante os planos....

Obrigado pela visita. Volte sempre!
Gostou? Tem mais nos arquivos!